CBA Alumínio

ago ter, 2018

Empresa irá apresentar no evento, que acontece em Belo Horizonte, cases de seu investimento social como o programa de Apoio à Gestão Pública

São Paulo, 28 de agosto de 2018 – Ao longo dos anos, a CBA (Companhia Brasileira de Alumínio) tem investido em atuação responsável, que vai desde a gestão dos impactos da extração, passa pelo consumo consciente dos recursos naturais e chega até o relacionamento harmonioso com os diversos públicos, principalmente com as comunidades onde está presente.

Na terça e quarta-feira (28 e 29 de agosto), a Companhia estará presente no 3º Seminário Mineração & Sustentabilidade, realizado pela revista Brasil Mineral, para apresentar cases que envolvem as comunidades e mostrar qual a base de seu investimento social, que impacta os territórios onde estão as suas operações.

“Acreditamos na atuação social como instrumento de geração de valor percebido entre negócio, parceiros e sociedade, por meio de relações genuínas e perenes em que todos ganham”, afirma Alan Ferreira da Costa, consultor de comunicação e Responsabilidade Social da CBA e representante da empresa no evento.

A CBA realiza estudos socioeconômicos em todas os municípios onde estão suas unidades, a fim de identificar suas fragilidades e, assim, desenvolvê-las e torna-las empoderadas. “Nosso plano de investimento social é construído com base nestes estudos junto a nossa estratégia de negócio”, diz Costa.

O consultor pontua três investimentos comuns nos municípios: educação, dinamismo econômico e apoio à gestão pública. “Nossas iniciativas ocorrem dentro destes eixos prioritários. Hoje, temos diversos programas sociais nesses eixos de investimento.

Relacionamento com a comunidade

Os projetos e iniciativas desenvolvidos pela CBA nas comunidades são orientados por ferramentas e tecnologias estruturadas pelo Instituto Votorantim, parceiro das empresas investidas pela Votorantim, além de outros parceiros que se identificam com as causas apoiadas pela empresa.

“A presença da CBA vai muito além da geração de renda e impostos. Nosso compromisso também é gerar benefícios a comunidade, para que, a médio e longo prazo, ela se torne independente e tenha um futuro brilhante”, diz Costa.

No evento, um dos cases que o consultor apresentará será sobre o AGP na cidade de Alumínio, uma das comunidades que a Companhia está presente.

O projeto, que tem como objetivo ampliar as capacidades do poder público municipal, fortalecendo o seu papel como agente do desenvolvimento local, foi inserido no município, a fim de apoiar a prefeitura local no desenvolvimento e execução do Plano Plurianual e Plano Diretor Participativo.

A comunidade de Alumínio envolveu-se na estruturação desses planos por meio da participação em reuniões públicas. Além disso, contribuições e sugestões também puderam ser enviadas pela plataforma digital Alumínio que Queremos.

Serviço

3º Seminário Mineração & Sustentabilidade – Como estabelecer relações sustentáveis
Data: 28 e 29 de agosto de 2018
Local: Ouro Minas Hotel, Avenida Cristiano Machado, 4001 – Belo Horizonte (MG)